Follow by Email

sábado, 13 de agosto de 2011

O perigo de uma única história

Nós, professoras e professores, temos uma grande responsabilidade (junto a outras instituições e atores sociais) em apresentar as várias versões e ângulos dos fatos. Ao falar de História do Brasil, usar a ótica do colonizador branco português, desqualifica o papel e importância do indígena e do negro. Começar a contar a História do Brasil pela colonização é excluir parte do legado indígena. Falar sobre o negro somente como escravo, como se ele fosse agente histórico somente enquanto mão-de-obra no Brasil Colônia é negar a África como berço da humanidade e da civilização, com suas inúmeras contribuições para as ciências, a tecnologia, a medicina, as artes, a cultura, a arquitetura, a agricultura, etc.

Recomendo assistir ao vídeo O perigo de uma única história, da escritora nigeriana Chimamanda Adichie:
Parte 1: http://www.youtube.com/watch?v=O6mbjTEsD58
Parte 2: http://www.youtube.com/watch?v=SZuJ5O0p1Nc

Nenhum comentário:

Postar um comentário